Anarquismo


Hino a Batalha João Black A Plebe maio de 1924   Surgindo vem ao longe a Nova Aurora Que os povos há de unir e libertar, – Desperta rude, escravo, sem demora, Não leves toda a vida a meditar. Destrói […]

Hino a Batalha


Muza Redenta Max Vasconcelos     Já não segue de joelhos desvairada A poesia os recamos de uma saia… Nossa arte rebentou a estreita raia Em que ha tanto gemia encurralada.   Mas no papel não voa a debandada Dos […]

Muza Redenta*


Os Grevistas Sylvio de Figueiredo   São operários, andrajosa gente que a enfermidade inexorável mina e a miséria acorrenta, impenitente, aos horrores da vida da oficina. Na lua desigual que os extermina, cada um, reconhecendo-se impotente, une-se ao irmão, na […]

Os Grevistas



Educação e Controle – Sílvio Gallo artigo publicado na Revista Sinpro Cultura - caderno de cultura do Sindicato dos Professores de Campinas e Região, ano XII, nº 23, julho/95, caderno especial "Para Debater". Lembro-me de uma passagem de um texto […]

Educação e Controle – Sílvio Gallo


Dúvida Tobias Barreto   Quanta ilusão!… o céu mostra-se esquivo E surdo ao brado do universo inteiro… De dúvidas cruéis prisioneiro Tomba por terra o pensamento altivo. Dizem que Cristo, o filho de Deus vivo, A quem chamam também Deus […]

Dúvida


O SOLDADO DA ANARQUIA Sylvio de Figueiredo   Resoluto e invencível na barricada, Sem ambição mas cheio de energia, Tenho minha alma forte, temperada, Nos combates que travo cada dia. Rebento da falange torturada Não me curvo jamais à tirania, […]

O Soldado da Anarquia



FILHOS DO POVO Filhos do povo sofreis em extremo, Lenta agonia, sem ar, Mais vale o esforço dum ato supremo, Se a vida é pena, mais vale lutar! Esse vil mundo que atroz vos consome, Sobre esses hombros, despotico está, […]

Filhos do Povo


Voto Obrigatório e a Ditadura da Maioria por Edson Passetti Getúlio Vargas — o déspota que se disse pai dos pobres, se transvestiu de democrata e se matou pretendendo ser herói —, permanece o principal fantasma a habitar a política […]

Voto Obrigatório e a Ditadura da Maioria


ROBERTO DAS NEVES CARTA AO DEUS DAS IGREJAS (Endereço): Ao: Padre Eterno, Deus, Criador e não-criado; pirotécnico ilustre, excelso e decantado; senhor dum poderio intérmino, profundo. Detrás das Nuvens — Céu — Império do Outro Mundo. (Texto): Preclaro Autor de […]

Carta ao Deus das Igrejas



A igreja e a Escola Castro Fonseca   – Donde vens tu, mulher, como a desgraça, esquálida? Que precoce velhice em tua fronte alveja? Quem és tu? Donde vens, ó mísera, tão pálida? – Eu sou a ignorância, e venho […]

A igreja e a Escola


Por que os Anarquistas não Votam Elisee Reclus À luta trabalhadores! Tudo o que pode ser dito a respeito do sufrágio pode ser resumido em uma frase: Votar significa abrir mão do próprio poder. Eleger um senhor, ou muitos senhores, seja […]

Por que os Anarquistas não Votam?


Anarquismos Autor: Edson Passetti publicado em: Libertárias 5, Imaginário, 1999, 6 - 7 pp. O anarquismo é para muitas pessoas algo inominável. É visto como sinônimo de bagunça, desorganização, irresponsabilidade, ausência de regras, convulsão, subversão, palavra que designa o mal. […]

Anarquismos